Status das Sondas: NS Arpoador e SS Frade

Chega ao Brasil os cascos de mais duas sondas: Arpoador e Frade

A estrutura inferior dos cascos do navio sonda Arpoador e da semissubmersível Frade chegam ao Brasil

O casco do navio sonda Arpoador, o primeiro previsto a ser entregue à Petrobras, chegou esta semana ao Brasil. O desembarque (load out) da estrutura aconteceu na Baía de Angra, no Rio de Janeiro, para que seja transportada para o estaleiro Jurong Aracruz, no Espírito Santo, onde toda a estrutura para dar continuidade à construção do navio-sonda está pronta. Agora, será dado início à integração dos blocos de acomodação e da torre de perfuração, já fabricados em território nacional. A semissubmersível Frade chegou no fim de semana ao BrasFels, em Angra dos Reis. Com o recebimento da parte inferior, o estaleiro inicia a instalação do convés, sistemas de perfuração e acomodações do equipamento.

A Sete Brasil registra no país um rápido avanço das obras dos três primeiros equipamentos do total de 29 sondas que terá em seu portfólio. A sonda Urca, cuja estrutura inferior chegou ao BrasFels em janeiro deste ano, já apresenta um avanço físico de 81%, considerando as etapas de Engenharia, Suprimentos, Construção e Montagem e Comissionamento da embarcação. Enquanto o casco do navio-sonda Arpoador estava em construção na Ásia, os megablocos da estrutura superior eram construídos no estaleiro Jurong Aracruz, que acaba de receber um guindaste para construção naval com capacidade de içamento de até 3,6 mil toneladas – um dos maiores no mundo – para instalação dos componentes ao casco.

As estruturas da Arpoador e Frade, assim como a da Urca, foram transportadas para o Brasil pelo sistema de transporte seco (dry tow), mais seguro, rápido e eficiente, para que seja dada continuidade à instalação dos blocos, onde serão inseridos o maquinário e todos os demais equipamentos e sistemas da embarcação, incluindo o sistema de posicionamento dinâmico, os propulsores, os geradores, a torre de perfuração, além de serviços complementares finais, tais como integração, comissionamento e testes de todos os seus sistemas.

O navio sonda Arpoador é um dos sete equipamentos encomendados ao Jurong para operação em águas ultra-profundas. A embarcação, com alojamento para uma tripulação de até 180 pessoas, possui ampla capacidade de carga e espaço útil, avançados equipamentos de perfuração e um amplo moon pool central (abertura no casco por onde se movimentam os equipamentos de perfuração dos poços). O navio-sonda será capaz de operar a 10 mil pés de profundidade (3.048 m) e perfurar poços de até 40 mil pés (12,2 km) de comprimento.

A sonda semissubmersível Frade é uma das seis que serão construídas de acordo com o projeto DSS™ 38E, da Keppel. Os equipamentos terão capacidade de perfurar a uma profundidade de 10 mil metros (em três mil metros de lâmina d’água). Os modelos contratados junto ao BrasFels vão contar com um comprimento total de 108 metros, deslocamento operacional de aproximadamente 45 mil toneladas e capacidade para receber uma tripulação de até 160 pessoas.

Clique aqui e confira na galeria de fotos (Estaleiros Jurong Aracruz e BrasFELS/Keppel) a chegada dos cascos.


Atualizado em 2014-11-18T16:16:07

Meu Carrinho de Downloads

Selecione os arquivos de seu interesse no site e gerencie o download.

Arquivos Selecionados